---

  • ?
  • ?

---

  • ?
  • ?


Ipumirim mantém medidas de isolamento por mais sete dias

Publicado em 25/03/2020 às 10:47 - Atualizado em 25/03/2020 às 11:56

A Administração Municipal anunciou  hoje pela manhã, dia 25 de março, um novo decreto  nº 2481  considerando a determinação do Governo Estadual (decreto nº 525), de estender por mais sete dias as medidas de enfrentamento do coronavírus.

O decreto deve manter a quarentena para as atividades do setor público e privado que não são considerados essenciais, além de manter a suspensão da rede municipal de ensino, transporte coletivo, eventos e reuniões de qualquer natureza, atendimentos presenciais, entre outras medidas para evitar a aglomeração de pessoas.

A recomendação é que toda a população, tanto da área urbana quanto rural, permaneça em casa, evitando aglomerações e só saia em caso de extrema necessidade, como compra de alimentos e remédios.

No pronunciamento de ontem dia24, o governador Carlos Moisés informou que o Governo de Santa Catarina já tem um planejamento para a retomada da atividade econômica. As ações serão gradativas, conforme ocorra uma evolução controlada do número de casos de coronavírus no estado. O objetivo é adequar as medidas de isolamento à necessidade dos catarinenses com segurança.

Ele destacou que toda medida envolvendo o isolamento social será tomada com cautela, sempre levando em conta a evolução do número de casos confirmados, a demanda sobre o sistema público de saúde e os impactos na economia. Para isso, manterá diálogo com o setor produtivo. O governador antecipou ainda que as obras públicas devem ser retomadas nesta quarta-feira, 25.

“Conviver com o vírus é uma árdua tarefa que vamos ter que enfrentar, sempre monitorando nossa curva de casos suspeitos e confirmados e modulando as nossas ações. Esse problema de saúde pública não é simples e não pode ser subestimado. Estamos trabalhando de forma muito responsável, com base nas experiências dos outros países que já sofreram com esse desastre, e precisamos do apoio de toda a sociedade”, reiterou Carlos Moisés.  

Em outra frente de trabalho, o Governo de Santa Catarina está ampliando a capacidade do sistema público de saúde para receber os pacientes que necessitem de terapia intensiva. Um total de 713 novos leitos será aberto.  O governador Carlos Moisés informou que o Governo de Santa Catarina já tem um planejamento para a retomada da atividade econômica. As ações serão gradativas, conforme ocorra uma evolução controlada do número de casos de coronavírus no estado. O objetivo é adequar as medidas de isolamento à necessidade dos catarinenses com segurança. Ao mesmo tempo, o Estado pretende ampliar em 713 os leitos de UTI nos hospitais em um período de 30 dias, que se somarão aos 801 que já existem.